Close Menu

Busque por Palavra Chave

Li, Vi e Ouvi | Cultivo da gratidão, política sem politicagem e a felicidade

Por: João Lamarque de Almeida
11/11/2019 11:51
Tamanho da fonte: A A

Cultivar a gratidão

Descobriremos a vida como um “dom maior de Deus” quando aprendemos a dar graças a Deus por tudo na vida. Nesta experiência somos tocados por um dos sentimentos mais belos e gratificantes, mas muito esquecido hoje, o dom da genuidade. As coisas mais importantes da nossa vida são inteiramente de graça. Não tem preço, mas valor. Somos chamados a agradecer pelas pessoas que nos amam e nos ensinam a caminhar; pelos fracassos que nos tornaram mais humildes; pelas metas e projetos realizados que nos trouxeram entusiasmo e confiança; pelos momentos turbulentos que nos plasmaram em sermos mais tenazes; pelos momentos de silêncio e solidão que fizeram germinar em nós a contemplação e a descoberta da beleza das pessoas e do mundo.

Como ser político sem ser político

Muitas pessoas creem ser necessário ser filiado a um determinado partido para atuar politicamente. Não, não é necessário. Atuar politicamente é ser integrado à sociedade a qual se pertence. Ao participar dos grupos de política, questionar a atuação de seu próprio representante eleito nas três esferas do poder, seja municipal, estadual ou federal; seguir os políticos eleitos nas redes sociais e fiscalizar efetivamente as suas ações é se comprometer com as decisões políticas do município, siga-o, mande correspondências pedindo prestação de contas de sua atuação política. Você será certamente um político sem ser partidário.

A felicidade

Felicidade é fertilidade. Momentos como terminar um livro, arrumar uma mesa, permitir que nos sintamos absolutamente férteis. Dá uma felicidade imensa desfrutar de uma leitura prazerosa, estar no convívio com os amigos e parentes em um almoço. Isso dá uma percepção imensa de fertilidade. A felicidade não sendo um estado contínuo, dado que isso aproximaria a felicidade de delírio, é, acima de tudo a construção de circunstâncias em que os faça a vida vibrar. A felicidade pode se manifestar como resultado de um processo e também como gratuidade.

Pensamento

“Em mãos que carregam livros, não cabem armas”

- Glória Ayres


Sicoob 2018 - Home
Brasão
Vederti Chapecó
Natal Encantado Xaxim 2019
Xaxim é mais
Xaxim Saúde
Prefeitura de Palhoça 2

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plíno Arlindo Nês, 1105, Sala, 202, Centro