Close Menu

Busque por Palavra Chave

Kim Kataguiri em Joinville; A desarticulação de Moisés; Alesc independente; Júlio Garcia retoma forte; Caropreso em SMO; Ninfo König e o PIB

Por: Marcos Schettini
12/06/2019 13:35
Tamanho da fonte: A A

Em defesa do PIB

O empresariado de Joinville, guardadas as proporções, tem as mesmas preocupações de seus colegas país afora. O que necessitam é que o Estado, influenciando para o atraso, libere-os para o futuro. Quem sabe das dificuldades que a classe passa, vivendo dores diárias para pagar impostos no limite da loucura, indiferenças do Estado e a burocracia perseguidora, compreende a agonia do meio. Tudo é difícil para um empreendedor. A documentação exigida em tudo, é o veneno que mata os passos. Quando não sufoca iniciativas e desencoraja a visão, cria tolices. Mesmo assim, resistindo, garantem o braço. A iniciativa de Ninfo König em Joinville, fomentando o debate contra a burocratização, desrespeito e intromissão do Executivo na iniciativa privada, é o papel que deve ser feito. Empresário precisa que o Público se afaste e dê lugar à Liberdade de atuação. Não tem Fiesc, Facisc ou Fecomércio que suporte o descaso e a intromissão patética do Estado nas forças de produção econômica. O Brasil precisa mudar.


Ele
Kim Kataguiri desce amanhã em Joinville em uma movimentação feita pelo vereador e empresário Ninfo König para debater com o PIB regional a simplificação da Lei Geral de Licenciamento Ambiental coordenada pelo deputado federal.

Acelerado
A indicação de Kim Kataguiri no Grupo de Trabalho tem como iniciativa impor velocidade nas discussões em torno da burocracia no processo de concessão de licenças. Rodrigo Maia vê no deputado federal do DEM a soma de competência e agilidade.

Quadro
O PIB, não apenas de Joinville, tem uma série de investimentos empreendedores a serem feitos e querem que o deputado federal conheça a burocracia in loco que impedem inciativas. Ninfo König, com o debate, quer derrubar estes muros.

Desarticulado
A vitória demonstrada que obteve com a aprovação da Reforma Administrativa, iludiu Carlos Moisés de ter êxito na pressão sobre a Assembleia. Pensou vencer tudo pelas redes sociais, asfixiando deputados. Agora sabe que não tem força.

Pobreza
O presidente da Acic em Chapecó puxou o tapete da vice Daniela Reinehr e assumiu a defesa do corte no duodécimo fazendo coro via rede social sem conversar com os deputados. Cidnei Barozzi, completamente fora, precisa entender melhor o mundo político.

Força
Júlio Garcia conduziu os trabalhos na Casa com a mesma visão política que marca sua liderança. O governador buscou oportunidade nestes tempos de fragilidade política e investigações acusativas para impor seu interesse e escorregou.

Recado
Lá atrás, ainda quando tomou posse como presidente da Alesc, Júlio demonstrou-se homem público de transparência, diálogo e dizendo-se político. Sabe que os Poderes são harmônicos com cada um na sua Cadeira. Rede social é uma, Tribuna é outra.

Claro
A fragilidade de Carlos Moisés cai diretamente no colo do líder do governo na Casa. Embora toda demonstração de que a sintonia e respeito ao modo Casa d’Agronômica de governar, muitas vezes sem diálogo e redes sociais, cada Poder na sua estrada.

Imperativo
A derrota enviada para o marido de Késia da Silva foi a ruptura de um ambiente que estava sendo visto como tudo certo, mares do Caribe, sol de 40° e open bar. Júlio Garcia, mais vivo do que nunca, mostra seu poder de liderança e influência.

Osmose
Quem sai vitorioso nesta queda de braço que Moisés tem com os hospitais filantrópicos de SC, é Gelson Merisio. O ex-presidente da Alesc jogou recursos fortes no setor que o governador buscou dissolver. O ex-deputado, quieto, começa a ganhar.

Namorados
A relação entre Carlos Moisés e os Poderes, na afronta de quebra do duodécimo, mostra que a harmonia e traições, como é em bilhões de exemplos, rege os interesses. Ali, no triângulo amoroso entre Justiça, Legislativo e Executivo, enganos acontecem.

Trabalho
Vicente Caropreso reúne profissionais da Educação, Saúde e Assistência Social no debate que fará na próxima sexta-feira em SMOeste sobre Prevenção às Deficiências e Autismo. O tema fica em volta ao diagnóstico, patologias correlatas e políticas públicas.

Dedicação

O tucano só não é singular na defesa aos Direitos da Pessoa com Deficiência, inclusive é presidente da Comissão na Alesc, porque conta com a atenção plena de Júlio Garcia na causa. Deputado Caropreso, médico, é quadro respeitado pela sensibilidade.





Sicoob 2018 - Home
Brasão

Avenida Plínio Arlindo De Nês, 1105, Sala 202 - Centro
Xaxim - Santa Catarina
CEP: 89825-000
redacao@lenoticias.com.br
(49) 3353-5210
(49) 99997-9025