Close Menu

Busque por Palavra Chave

Alesc - Sua Causa 2

Dr. Sadi José De Marco foi cassado pela Ditadura Militar

Por: LÊ NOTÍCIAS
25/08/2017 10:05

Sadi José De Marco nasceu em Erechim/RS no dia 18 de junho de 1938, filho de Ernesto José De Marco e Admira Leonel Brizola, e mudou-se do Rio Grande do Sul para Chapecó na década de 1940. Estudou em Erechim e Porto Alegre, formou-se em Direito na Universidade de Passo Fundo, na década de 1960. Foi eleito vereador de Chapecó em 1962 pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Já em 1966, aos 27 anos, iniciou o mandato como prefeito, o mais jovem da história municipal. A gestão seguiu até 1969, exatos 1.185 dias, quando foi cassado pelo Regime Militar, em 29 de abril.

Mas, em 2014, em sessão solene, a Câmara de Vereadores de Chapecó devolveu a ele, de maneira simbólica, o mandato de prefeito através da iniciativa do então vereador Paulinho da Silva (PCdoB). “Sadi de Marco agora é ex-prefeito do município, e não mais ex-prefeito cassado”, disse na época, Paulinho da Silva, por entender que o mandato foi importante, principalmente pelo impulso econômico.

A homenagem aconteceu quando ele tinha 75 anos e 45 anos após a cassação do mandato, no dia 29 de abril de 2014. Atuação destacada pelo desenvolvimento da cidade, defendia a democracia e despontava como liderança da região”, divulgou a Câmara por meio de nota. A iniciativa da homenagem partiu do professor Claiton Marcio da Silva, por meio da Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS), que estudou por muitos anos a trajetória de Sadi de Marco e do Legislativo chapecoense. Após ser cassado pelo Ato Institucional (AI-5), do Regime Militar, dedicou-se à advocacia.

Durante sua trajetória por Chapecó, Sadi participou da criação da Sociedade Amigos de Chapecó e esteve à frente da organização da primeira edição da Efapi, há 50 anos. Entre 1965 e 1969 foi também presidente municipal do PTB e da Associação dos Municípios do Oeste de Santa Catarina (Amosc).

Desde início da década de 80 morava em Francisco Beltrão, no Paraná, desde o início da década de 80, onde também colaborou com o crescimento da cidade. Foi o idealizador da instalação do antigo frigorífico Chapecó, em Beltrão, mais tarde adquirido pela Sadia em 1991, hoje BRF. Na cidade do Sudoeste do Paraná também foi homenageado com o Título de Cidadão Honorário de Francisco Beltrão.

Faleceu aos 79 anos, um dia após seu aniversário, em 19 de junho deste ano, em Francisco Beltrão/PR, após ser internado com complicações cardíacas. O prefeito Luciano Buligon decretou, na época, luto oficial de três dias. Ele era casado com Ivanir Vanzin e teve três filhos: Carlos Alberto, Cláudia e Cezar Augusto.


Outras Notícias
Brasão

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plíno Arlindo Nês, 1105, Sala, 202, Centro