Close Menu

Busque por Palavra Chave

Prefeitura de Xaxim - Maio

Fizemos muito, mas falta muito, diz Lírio Dagort sobre ações em Xaxim

Por: LÊ NOTÍCIAS
20/12/2019 11:01 - Atualizado em 20/12/2019 11:02
Axe Schettini/LÊ Prefeito de Xaxim, Lírio Dagort (PSD) Prefeito de Xaxim, Lírio Dagort (PSD)

Encerrando o terceiro ano do seu segundo mandato, não consecutivo, Lírio Dagort concedeu entrevista exclusiva ao jornalista Marcos Schettini e falou sobre os trabalhos realizados, mas garantiu que sempre há o que fazer. “O cidadão precisa de atenção todos os dias”, lembrou. Ainda, falou de seu futuro e das realizações do seu “sétimo ano de gestão”, como costuma dizer.


Marcos Schettini: O senhor está no terceiro ano de mandato. O que falta?

Lírio Dagort: Eu costumo dizer que estou no sétimo ano. Já fui prefeito de 2005 até 2008. Não fui para a reeleição, mas tínhamos índices de aprovação que nos dava, se assim o eleitor quisesse, mais mandato. Por quê? Porque o cidadão estava feliz conosco naquela época e hoje também. Havia dado minha palavra que não iria para a reeleição e não fui. Sou de palavra e aprendi isso com minha mãe. Passaram duas administrações e o povo quis novamente que estivéssemos aqui. Na eleição passada, falavam muito em chapa única. Decidi sair daquela disputa para que o entendimento fosse feito, mas não deu certo. Me chamaram novamente e estamos aqui de novo. Nossa gestão tem grandes aprovações em todos os setores. Fizemos muito, mas falta muito. O cidadão precisa de atenção todos os dias. Não termina nunca porque tem assuntos, ações, sensibilidades a serem atendidas diariamente. Mas é para isso que serve o setor público. Para dar atenção a todos, sem distinção.

Schettini: O que falta fazer?

Lírio Dagort: Nós temos muitas responsabilidades diárias. Xaxim cresce e os problemas sociais também crescem. Nós somos pessoas que gostamos de trabalhar e gostamos das pessoas. Desde que foi fundada, Xaxim sempre deu muito valor ao trabalho. Nosso povo gosta de trabalhar. E isso é muito significativo. É um pulo para o desenvolvimento. Nenhuma cidade, em qualquer lugar do mundo, avança sem trabalho. Por isso que temos muitos desafios. Na prefeitura nós temos um mapa diariamente de tudo o que precisamos fazer. Vamos e fazemos, sem enrolação, sem burocracia. O que pode, pode sempre. O que não pode, não pode nunca. Investimos pesado na Saúde, tirando o sofrimento das pessoas com as cirurgias coletivas. Seja de catarata, problema de joelho, coluna, atenção odontológica, combate a doenças transmissíveis, parceria com a Rede Feminina, investimentos na Agricultura, Infraestrutura, ao cidadão e no empreendedorismo. Agora mesmo estamos no Distrito Industrial com obras para o acesso às empresas, assim evitando acidentes. É uma luta antiga que, pelas amizades que temos em Brasília, no Senado e na Câmara, agilizou esta obra para ser feita agora. Mas sempre vai ter algo em favor da sociedade que precisa ser feito. Saia nas ruas e veja a satisfação de todos eles. A praça é um lugar. Por lá passam muitas pessoas. Pare um pouco e converse com as pessoas. Elas te darão exatamente o que temos de números positivos. Seja no Centro, nos bairros ou no interior.

Schettini: Em que o senhor acredita?

Lírio Dagort: Acredito em Deus e nos seus ensinamentos. Carrego minha fé para dentro da prefeitura, fazendo o que é correto. Falo para nosso pessoal que ganhar a confiança da sociedade, para tomar conta do que é da sociedade, é algo que não tem preço. Eles, todos, são pessoas de bem. Gosto dos servidores públicos, gosto dos meus comissionados. Se algo está errado, tiro quem tem feito algo indigno para que vá responder para a Justiça. Graças a Deus não tenho nenhum processo nas minhas costas. Faço o que deve ser feito, às claras, sem envergonhar meu nome, minha família e as pessoas que votaram em mim. Acredito na honestidade e no trabalho. Sei que não posso contentar a todos, mas meu objetivo é voltar para casa, olhar minha esposa, meus filhos e netos sem sentir vergonha de nada. Acredito em tudo que faço porque quero fazer bem feito e deixar as pessoas com um sorriso sincero no rosto. Esta é minha crença. Deus no meu coração e me orientando para fazer tudo com humildade, simplicidade e respeito.

Schettini: Para onde o senhor vai depois do mandato?

Lírio Dagort: Vou agradecer a Deus. Ele é o responsável por tudo. Se estamos vivos e com saúde, é pela vontade Dele. Vou para casa viver mais do que tudo que já vivo. Sou um homem feliz. Vou continuar fazendo tudo o que gosto. Quero estar com meus amigos porque hoje, mesmo sendo prefeito, já estou com eles. Quero sair daqui pela porta da frente como entrei. Descer a escada com o dever cumprido e com a mesma cabeça que subi quando me deram a missão. Cumprimentar as pessoas, agradecer minha equipe, olhando-a com a mesma humildade e respeito que tenho por eles e sei que eles por mim. Meu mundo é isso que estou dizendo nesta entrevista. Não tenho medo nem vergonha de nada. Quero ir para as ruas e ser cumprimentado pelo que fizemos. Nossas vidas a Deus pertence. É Ele quem decide o que deve acontecer. Está nas mãos Dele. O que Ele disser, vamos seguir. Não somos nós quem decidimos o que vamos fazer. Nós somos guiados pelo bem e vamos continuar nesta estrada. Vamos viver e fazer as pessoas viverem. Em qualquer lugar que estivermos, sempre confiante. Isso é meu futuro, como é meu passado e meu presente.




Outras Notícias
Serrano Márcaras
Vederti Mobile
Sicoob Mobile
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro