Close Menu

Busque por Palavra Chave

AQUI TEM GOVERNO

Alunos e professores aprendem sobre compostagem em projeto-piloto de São José

Por: LÊ NOTÍCIAS
06/10/2021 10:42
Prefeitura de São José Proposta, desenvolvida no CEI Luar, deve ser aplicada em todas as unidades da rede municipal de ensino Proposta, desenvolvida no CEI Luar, deve ser aplicada em todas as unidades da rede municipal de ensino

Com a intenção de reduzir a quantidade de resíduos que são enviados aos aterros sanitários e ao mesmo tempo fornecer um destino adequado às sobras de alimentos, alunos, professores e merendeiras do Centro de Educação Infantil Luar, localizado no bairro Serraria, em São José, participaram na semana passada de uma oficina de compostagem.

A atividade foi ministrada pelo professor da Udesc, Germano Gutller, e pela bolsista do Projeto Lixo Orgânico Zero, Beatriz de Souza, a convite do setor de Educação Ambiental, da Secretaria Municipal de Educação de São José. O professor Germano desenvolveu uma técnica própria denominada “Método Lages de Compostagem” (MLC), que vem ganhando destaque mundial pela simplicidade e eficácia. Acompanharam a oficina os diretores das escolas ambientais do município: Cinthya Regina Persike, da Escola Municipal do Meio Ambiente, e Marcelo Cipriani, do Centro Municipal de Educação Ambiental Escola do Mar, bem como a diretora do CEI Luar, Gicele Maisa de Christo.

“Essa capacitação faz parte de um projeto-piloto. Vamos acompanhar a aplicação dessa proposta no CEI Luar pelos próximos três meses. Nossa intenção é difundir essa prática futuramente para todos os centros de educação da rede municipal de ensino para estimular, tanto a instituição quanto os alunos e os professores, a mudança de hábitos com uma prática sustentável e pedagógica”, explicou a assessora pedagógica Ana Paula Dores Ramos.

Estima-se que cerca de 50% do lixo total produzido no país seja orgânico. E não é só o volume que prejudica. Esse ciclo de não reaproveitamento inclui: custo de transporte, produção de gases danosos nos aterros sanitários e contaminação dos materiais recicláveis. “A educação tem papel essencial para consciência ecológica dos cidadãos. Com atividades como essa, é possível aprender, aplicar e propagar sobre a importância do reaproveitamento dos resíduos orgânicos em um ciclo constante e sustentável”, frisou a secretária de Educação, Ana Cristina Oliveira da Silva Hoffmann.


Outras Notícias
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro