Close Menu

Busque por Palavra Chave

Primeiros guardas municipais já estão atuando em Palhoça

Prefeitura de Palhoça Primeira turma, com 14 agentes, concluiu o curso de formação na UniPRF em dezembro Primeira turma, com 14 agentes, concluiu o curso de formação na UniPRF em dezembro

Os primeiros 14 guardas municipais da história de Palhoça já estão atuando nas ruas do município. A solenidade de formatura da primeira turma de um curso pioneiro no país, articulado junto à Universidade Corporativa da Polícia Rodoviária Federal (UniPRF), em Florianópolis, foi realizada no dia 22 de dezembro.

“Nós estamos fazendo história no município de Palhoça: primeiro, ao instituir a Guarda Municipal, na gestão do ex-prefeito Camilo Martins, e agora, com a articulação desta parceria com a PRF para a formação dos nossos agentes. Nossos primeiros 14 agentes foram formados com o padrão de excelência da PRF e certamente farão um ótimo trabalho protegendo o cidadão e o patrimônio dos palhocenses”, expressa o prefeito de Palhoça, Eduardo Freccia, que acompanhou a cerimônia, ao lado do secretário de Segurança Pública do município, Alexandre Silveira de Sousa.

A solenidade foi prestigiada por várias autoridades, como o governador Carlos Moisés; o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Gustavo Torres; a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves; além de vereadores, deputados e senadores.

“Nós só temos a agradecer à PRF por esta parceria, em especial, ao diretor geral, Silvinei Vasques, que abriu as portas da instituição para os nossos agentes. Foram três meses de muito treinamento, de muito aprendizado, de muito suor, e hoje os primeiros 14 guardas municipais da história de Palhoça estão formados e prontos para realizar um grande serviço à comunidade”, reflete o secretário de Segurança Pública, Alexandre Silveira de Sousa, que também acompanhou a formatura.

Foi o secretário quem costurou o acordo junto à cúpula da PRF, em Brasília. Um acordo duplamente vantajoso para o município: além do curso oferecido gratuitamente junto à UniPRF, a Guarda Municipal também receberá a doação do armamento que será utilizado pelos guardas municipais; uma economia de aproximadamente R$ 1 milhão aos cofres públicos.

Sancionada em julho do ano passado, por meio da Lei Municipal 098/2020, a Guarda Municipal de Palhoça passa a operar em janeiro de 2022, com o encerramento do prazo de impedimento para a criação de novos cargos na administração pública imposto pelo Governo Federal no Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus.

Todos os 34 agentes de trânsito de Palhoça passarão pelo curso na UniPRF, e só então estarão aptos a desempenhar a nova função, como guardas municipais. A primeira turma contou com 14 agentes, que viveram três meses intensos, marcados por uma formação profissional de qualidade e por uma experiência de vida inesquecível. “Participar do curso foi uma oportunidade ímpar. As instruções, a estrutura e principalmente a atenção e o acolhimento dispensados a todos os guardas estiveram muito acima das nossas expectativas. Para nós, foi um desafio, pois o curso é muito intenso, desgastante e bem longe da moradia de todos. Exigiu muita força e determinação dos guerreiros que estiveram lá durante essas 13 semanas”, avalia a guarda municipal Layse Santos Svaldi de Almeida.

Durante os três meses de curso, os agentes tiveram aulas em várias áreas, como armamento e tiro, defesa pessoal, atendimento pré-hospitalar, fiscalização, fiscalização ambiental, abordagem e direitos humanos. “Aprendemos tudo que um profissional precisa aprender para se formar um operador de segurança pública de excelência. Nós passamos por todas as etapas, como qualquer outro aluno da Polícia Rodoviária Federal, não houve diferenciação. É um curso de excelência, um dos melhores cursos da América Latina”, revela o guarda municipal Thiago Hinckel.

Thiago garante que os 14 guardas municipais formados na primeira turma estão “altamente preparados” para exercer a função. “Apesar de ter sido um curso relativamente curto, foi intenso e bem dinâmico; cansativo, mas muito proveitoso e estamos preparados para dar a melhor resposta à sociedade e à administração municipal”, projeta o guarda municipal.

“É importante destacar que nós não deixaremos de fazer o que fazemos hoje, com a vigilância constante e a orientação de condutores no trânsito e o auxílio à comunidade nas mais diversas formas. Nós vamos agregar mais funções à nossa rotina, auxiliando as nossas polícias para a manutenção da segurança pública no nosso município”, informa o coordenador da Guarda de Trânsito de Palhoça (GTP), Ezequiel Martins. “Todo o aprendizado será aplicado para melhoria da segurança pública e de todas as demais funções já desempenhadas pela nossa instituição. Cada guarda presente nesse curso saiu muito mais capacitado a atuar nas diversas situações que vivenciamos todos os dias nas ruas de Palhoça. Mérito dos nossos guerreiros que estiveram lá; das famílias, que sofreram com a nossa ausência; e dos nossos colegas, que ficaram e deram conta de toda a demanda que permaneceu. Com o apoio da nossa administração, estamos entregando profissionais muito bem treinados e preparados. Voltamos para somar com as demais forças e trabalhar pelo nosso município”, finaliza Layse.

A nova turma deve iniciar o curso em março, e a expectativa é a de que os 20 agentes restantes possam participar da formação.


Outras Notícias
Fecam
OktoberFest
CORAÇÃO DE SC
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro