Close Menu

Busque por Palavra Chave

Vieses e consensos | Pátria livre, ou dos párias livres, Brasil?

Por: Ralf Zimmer Junior
10/12/2021 16:11
Tamanho da fonte: A A
Divulgação

Há quem diga que o Brasil nos últimos anos avança a passos largos para se assemelhar ao regime cubano, eis que para o nosso cidadão embarcar para qualquer lugar decente deste planeta, fora de nosso País, só provando estar com exame recente de Covid-19 negativado, com passaporte completo de vacinação, por vezes não só da Covid-19, mas também da febre amarela. Isso quando, ainda, somos aceitos (ou não) em determinados países (por questões sanitárias dado “nossas ondas”).

De outro lado, qualquer pessoa que disponha dinheiro para passagens tem praticamente passe livre para vir para cá. Nem comprovar que está completamente vacinado contra a Covid-19 precisam os estrangeiros para desembarcar no Brasil e adentrar nosso território como se dono dele fossem. A balela da “quarentena de 5 dias” dita “exigível” pelo governo federal é “nota de 3”, eis que não há estrutura dos municípios para promovê-la, tampouco fiscalizá-la.

A “terra de Vera Cruz”, do “Pau Brasil”, parece ter registrado em cartório a certidão da “síndrome de vira-lata” e passou a ser uma espécie de “Nárnia” ou “ Casa da mãe Joana”, pois, entra quem quer, como quer, quando quiser, com Covid-19 e suas variantes que bem entenda (vacinados ou não, pouco importa às nossas autoridades, que dão liberdade aos estrangeiros que nos vedam mesmo tratamento), e azar da população local (se vai pegar novas variantes, morrer, isso é de menos, segundo nosso ministro o que importa é “a liberdade”, dos outros, claro, pois a nossa acaba no aeroporto rumo ao exterior sem comprovante de vacinação completa).

Patriotismo e liberdade teria passado a ser sinônimo de deixar o europeu que está enfrentando a quarta onda da Covid-19 entrar aqui como e quando bem queira, sem comprovar estar vacinado, pondo nossas vidas e de nossas famílias em risco, enquanto nós nem saímos do aeroporto lá sem passaporte da vacinação completo? Onde ficou o princípio de direito internacional da reciprocidade? Jogaram fora, junto com nosso bom senso, em alguma latrina em Brasília, em algum circo ou em alguma casa para tratamento a enfermidades mentais severas?

Enfim, viva a liberdade para o resto do mundo vir aqui como quiser, até mesmo para nos contaminar de novas variantes do Covid-19, já nós, brasileiros... faz assim, tentar embarcar para fora do País e depois nos conta se te deixaram sem comprovante completo de vacinas ... seria o resto do mundo “comunistas” e nós brasileiros o oásis da Pátria Livre, ou dos párias livres, Brasil?


SP Convention
Essenciais de Verão
Rech
Publicações Legais

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro